Categorias
acompanhamento hospitalar

Internação hospitalar: quais os cuidados necessários para acompanhar um idoso?

Mais frequente na vida dos idosos devido a emergências ou tratamentos, a internação hospitalar é um evento estressante para qualquer pessoa. Afinal, quem está no hospital sente-se inseguro e fragilizado, especialmente em razão ao ambiente diferente do que está acostumado.

Para garantir que um idoso tenha o suporte necessário nesse momento difícil e não se sinta abandonado, a companhia é fundamental. Mas, afinal, quais cuidados são necessários para promover a tranquilidade nesse processo?

Se você quer descobrir, está no lugar certo! Continue a leitura e saiba mais sobre a internação hospitalar de idosos.

A necessidade de internação

Antes de tudo, é importante ressaltar que, se houver possibilidade, o ambiente hospitalar deve ser evitado — principalmente neste momento de pandemia de COVID-19. Isso porque, dentro do hospital, há riscos de contaminação por diferentes agentes infecciosos, o que pode levar ao surgimento de outras doenças e ao desenvolvimento de infecção hospitalar.

Além disso, é comum que idosos internados sofram quadros de confusão mental, gerando preocupação na família. Por isso, quando for possível, deve-se garantir que o paciente receba assistência em sua própria residência. Assim, o processo se torna mais seguro e tranquilo para todos.

A importância da companhia para idosos internados

Se você já esteve internado sabe que, durante esse processo, é comum passarmos por aplicação de medicações, avaliação de sinais vitais e uma série de outras atividades que podem causar estresse e preocupação. Tudo isso fragiliza o estado emocional do idoso, fator capaz de impactar sua recuperação.

Estudo mostram que, quando há um acompanhante, os idosos se sentem mais tranquilos e a resposta clínica é mais satisfatória. Isso porque a companhia faz com que tenham alguém para conversar, dividindo medos ou compartilhando possíveis queixas. Ela ainda acalma, melhora a autoconfiança e minimiza os riscos de que o idoso se sinta sozinho ou abandonado.

Cuidados necessários com o idoso internado

Agora que você já conhece o papel fundamental do acompanhante no período de estadia no hospital, chegou o momento de conhecer alguns cuidados que devem ser tomados.

Primeiramente, é importante evitar levar para ambiente hospitalar qualquer item desnecessário, como acessórios e bijuterias. Deve-se lembrar apenas dos objetos essenciais, como roupas confortáveis, produtos de higiene pessoal e sapatos. Além disso, a carteirinha do convênio e os documentos pessoais não podem ser esquecidos.

Antes de iniciar a internação, obtenha o máximo de informações da equipe de profissionais da saúde, entendendo o diagnóstico e motivo da hospitalização. Além disso, possíveis intolerâncias, alergias e problemas preexistentes devem ser informados aos médicos.

Durante a internação, é importante também verificar o conforto do paciente – isso pode incluir a necessidade de trocas de posições na cama ou até mesmo uma massagem de conforto, se autorizado pelo médico.

Por fim, é fundamental que haja um acompanhamento do quadro, e que sejam solicitadas previsões de alta. Afinal, o idoso deve permanecer apenas o tempo necessário no hospital, considerando-se os riscos já mencionados.

Após a internação

Se você vai acompanhar um familiar idoso durante sua internação, deve se atentar aos cuidados necessários para a recuperação em casa. Antes da alta, esclareça possíveis dúvidas e obtenha orientações da equipe médica, de modo a evitar retornos.

Na residência do idoso, a atenção deve ser redobrada, uma vez que pode haver a necessidade de usar medicamentos, além de possíveis riscos de acidente. Por isso, é importante que haja auxílio integral ao idoso, evitando imprevistos que podem levar a uma piora no quadro de saúde.

Conte com auxílio especializado

Sabemos que os filhos e familiares sempre querem ficar com seus pais, tios ou avós no hospital durante o tempo todo da internação. No entanto, vemos que, principalmente em internações longas, a rotina de vida da família começa a ficar muito complicada.

Sabendo disso, a Senior Concierge conta com profissionais especializados e de confiança para substituir pessoas que, por algum motivo, não podem oferecer companhia para idosos internados. Com uma equipe de cuidadores e enfermeiros, proporcionamos o melhor suporte no hospital.

Também temos a solução de cuidados pós-operatórios, que iniciam-se no ambiente hospitalar e se estendem ao conforto do domicílio. Em nosso serviço de Welcome Home, oferecemos todo o auxílio indispensável para o restabelecimento da rotina e recuperação da saúde. Podemos comprar medicamentos, curativos, alimentos,  muletas e outros itens, garantindo um ambiente acolhedor para o retorno do idoso.

A internação hospitalar é um momento difícil para qualquer pessoa. Para os idosos, a situação pode ser ainda mais estressante. Por isso, a presença de um acompanhante é necessária e parte importante do tratamento. Com ela, o paciente se sente mais seguro e autoconfiante para enfrentar o período de hospitalização.

Agora que você já conhece os cuidados necessários nesse processo e a importância da companhia para idosos, o que acha de falar conosco e saber mais sobre nossas soluções que garantem mais tranquilidade à família e ao paciente ao longo da internação? Vamos conversar!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *