Categorias
Alzheimer Cuidados com idosos Tipos de terapias

Quais os benefícios dos jogos de memória para idosos?

Jogo da memória, palavras cruzadas, quebra-cabeça e sudoku, você provavelmente conhece uma destas brincadeiras, certo? Bom, são essas atividades lúdicas, às vezes presentes em todas as gerações, que são bons estimulantes da memória. Além disso, existem vários outros benefícios que esses jogos de memória para idosos podem trazer ao maduro.

Estímulos cognitivos, socialização, autoestima e cuidado com a saúde mental são alguns fatores positivos quando falamos sobre os benefícios que os jogos de memória para idosos podem proporcionar ao seu parente de mais idade.

Nós, da Senior Concierge, preparamos um artigo que vai te ajudar a saber mais sobre os jogos que exercitam a memória e quais os benefícios que eles podem trazer para a vida do idoso. Confira!

O próprio Jogo da Memória

O Jogo da Memória ajuda a exercitar o cérebro principalmente no que tange às nossas lembranças, como o próprio nome já diz. Assim, ao separar um tempo de lazer, o idoso pode estimular a memória com a brincadeira, já que ela exige a lembrança de onde cada cartão do jogo está. 

Geralmente, esse e outros jogos que incitam a lembrança são indicados por terapeutas ocupacionais, já que as brincadeiras podem melhorar a qualidade de vida do idoso. O Jogo da Memória, em especial, incentiva o maduro a praticar a concentração, a observação espacial, o raciocínio rápido e a socialização – caso seja jogado em dupla. 

Palavras cruzadas, a memória e a leitura

Outro jogo que pode ajudar o maduro a exercitar o cérebro e também se divertir, é o jogo de palavras cruzadas. Ao precisar associar as letras com a formação das palavras, durante a brincadeira, o idoso estimula:

  • raciocínio lógico;
  • memória;
  • capacidade de associação entre conhecimentos e
  • leitura.

Inclusive, a leitura também é uma ótima forma de estimular a memória. Quando o maduro lê, ele precisa relacionar aquilo que já foi lido com o que está lendo no momento. Assim, o cérebro precisa lembrar do que foi visto páginas atrás ou apenas alguns parágrafos antes, para que a leitura faça sentido. 

Um hábito de leitura auxilia no exercício da memória e pode, aos poucos, melhorar a capacidade de recordar do idoso. Agora, caso o maduro esteja com perda de memória, confusão mental e desorientação espacial, é preciso avaliar, pois estes podem ser alguns sintomas do Alzheimer. 

Inclusive, ter alguém que amamos com essa doença pode ser algo difícil de lidar. Mas, com um programa e tratamento multidisciplinar, é possível ver melhorias significativas nos sintomas comportamentais e psicológicos do maduro.

Nós, da Senior Concierge, oferecemos o Alzheimer Care. Com um grupo multiprofissional, desenvolvemos um programa multidisciplinar para cuidar do maduro e, ainda, tentar amenizar os terríveis sintomas dessa doença. 

Quebra-cabeça, a socialização e a diversão 

Agora, outro jogo que estimula a memorização é o quebra-cabeça. Durante a brincadeira, o idoso precisa lembrar as peças que já tentou encaixar e em quais lugares tentou colocá-las, para não repetir uma ação em vão e, assim, na próxima, conseguir juntar as partes certas. 

Além disso, a brincadeira instiga a percepção espacial. Pois, a necessidade de olhar a imagem formada e montar corretamente as peças requer a lembrança visual do que está sendo visto, exercitando, assim, a memória, a visão e a percepção do espaço.

Fora isso, o quebra-cabeça também ajuda na socialização e na diversão. Quando o maduro consegue encaixar a peça certa, ou vê seu parceiro no jogo também conseguir, pode sentir satisfação, alegria e até autoconfiança. Por isso, é recomendável que o idoso pratique essas brincadeiras em grupos ou dupla. Essa é uma boa oportunidade para você juntar-se ao seu parente, exercitar seu cérebro  e divertir-se também. 

Sudoku, jogo de memória para idosos e dificuldades

Outra alternativa válida para exercitar a memória é a famosa brincadeira do Sudoku. O jogo, que tem como objetivo preencher as lacunas que estão faltando com os números de 1 a 9, provoca a memorização e o raciocínio lógico. 

Isso porque, no momento do jogo, é preciso lembrar quais números estão em cada linha para completar o objetivo, que é preencher todos os espaços que faltam, sem repetições, nas linhas horizontais e verticais. 

O jogo pode parecer um dos mais difíceis, pois envolve muito raciocínio e memória dependendo do nível de dificuldade. Por isso, é recomendável que, dependendo do grau de esquecimento ou déficit cognitivo, o maduro explore os níveis mais fáceis do jogo para, então, ir avançando. 

Assim, criando autoconfiança, o idoso melhora sua autoestima que pode influenciar positivamente na saúde mental. Mas é interessante ressaltar que todas as atividades citadas precisam ser praticadas. Isso porque é com o tempo que o maduro pode sentir as melhorias em sua percepção espacial, cognição, atenção e memória. 

Para além da brincadeira….

Além de tudo que já comentamos, há outro ponto importante. Assim como um quebra-cabeça, nosso corpo precisa de todas as peças em bom estado para que esteja saudável, certo? Com o maduro acontece a mesma coisa, ou seja, além de estimular a brincadeira, é importante saber que outros fatores podem influenciar a memória. 

Uma boa noite de sono, uma alimentação saudável, uma rotina ativa com exercícios físicos são alguns aspectos fundamentais quando falamos sobre saúde e memória. Por isso, para além da brincadeira, é pertinente pensar em outros cuidados que promovam o envelhecimento ativo.

Isso porque estar envolvido na rotina do seu familiar, com as brincadeiras, é muito válido e necessário para ajudá-lo nos benefícios relatados. Mas, por outro lado, os demais cuidados mencionados são fundamentais para construir uma rotina ativa, envolvente e que deixe quem você ama, além de saudável, muito feliz.

Nós da Senior Concierge oferecemos serviços e cuidamos com muito profissionalismo para aquela pessoa que já cuidou de você. Clique aqui e saiba mais sobre o Senior Interativo, nosso programa de serviço que ajuda o maduro a desenvolver o envelhecimento ativo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *